ORTODONTIA CONTEMPORÂNEA: Fabricação de Splints para Cirurgia Ortognática Utilizando Impressora Tridimensional

segunda-feira, 13 de julho de 2015

Fabricação de Splints para Cirurgia Ortognática Utilizando Impressora Tridimensional












Neste artigo de 2008, pela Revista Oral Surgery, Oral Medicine, Oral Pathology, Oral Radiology & Endodontics, pelos autores Marc Christian Metzger, Bettina Hohlweg-Majer Schwarz, Mathias Teschner, Beat Hammer,Rainer Schmelzeisen, Freiburg, Germany; and Aarau, Switzerland Albert-Ludwig University Freiburg and Hirslanden Medical Center. Mostra mais uma ferramenta com tecnologia de ponta para confecção de split (goteira) inter-maxilar para ser usada na Cirurgia Ortognática.


Este estudo mostra uma nova técnica para produzir splits para cirurgia ortognática utilizando uma impressora 3D.


Após da aquisição tridimensional (3D) de dados por meio de uma tomografia computadorizada (TC) ou tomografia computadorizada de feixe cônico (CBCT) de pacientes com deformações ortognáticas, é possível realizar o reposicionamento virtual das bases osseas maxilares. Para reduzir artefatos, os modelos de gesso foram digitalizadas ou simultâneamente com o paciente durante a aquisição de dados 3D ou separadamente, utilizando um scanner de superfície.


Logo após é Importado e combinado os dados para o planejamento pré-operatório do caso, permitindo a transformação do reposicionamento planejado e da oclusão ideal. O sistema define um Split virtual entre as fileiras de dentes que permite codificar o reposicionamento ideal. Depois de realizar uma operação, as impressões dentarias são subtraídos do splint virtual. O "splint" definitivo depois é confeccionado por uma impressora 3D.


A técnica apresentada combina as vantagens de modelos de gesso convencional, planejamento virtual 3D preciso, e a possibilidade de transformar a informação adquirida em um Split dental ideal.


Link do artigo na integra via aadmrt:


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe !