ORTODONTIA CONTEMPORÂNEA: Impactação pós-traumática do incisivo superior: diagnóstico e tratamento

quinta-feira, 7 de agosto de 2014

Impactação pós-traumática do incisivo superior: diagnóstico e tratamento







Neste artigo de 2013, publicado pelo Annali di Stomatologia, pelos autores Valeria Paoloni, Chiara Pavoni, Manuela Mucedero, Patrizio Bollero, Giuseppina Laganà, and Paola Cozza, do Department of Orthodontics, University of Rome “Tor Vergata”, Italy. Mostra o relato de um caso clinico onde é descrito uma tecnica voltada para o tracionamento de incisivos.

Este artigo teve o objetivo de fornecer aos ortodontistas clínicos, informações úteis para o diagnóstico imediato e gerenciamento dos incisivos superiores impactados devido a trauma.

Os autores apresentaram um caso de impactação pós-traumática de um incisivo central superior direito em paciente jovem. O plano de tratamento consistiu na administração interventiva (cirúrgica e ortodôntica), valorização do espaço necessário para movimentar o dente impactado na posição normal e uma abordagem biomecânica para ancoragem, evitando prótese e substituição por implantes.

A terapia que envolve o tracionamento de um incisivo superior impactado devido ao trauma requer uma abordagem multidisciplinar: considerações ortodônticos, cirúrgicas, endodônticas e periodontais. Que são essenciais para o sucesso do tratamento.

O relato é do caso de uma menina branca de 9 anos de idade, encaminhada pelo seu clínico geral para o Departamento de Ortodontia da Universidade de Roma para uma avaliação ortodôntica. A queixa principal foi a preocupação com o atraso de erupção, o que resultou em um aspecto inestético. A criança estava em excelente saúde física e não tinham histórico de doença, mas não havia uma história de trauma dental anterior aos 4 anos aos seus incisivos primários. Este trauma induziu a uma necrose e anquilose do direito primário incisivo central superior.

Os autores concluíram que a exposição cirúrgica e o tracionamento ortodôntico é o tratamento que mais freqüentemente usado no caso de impactação do incisivo pós-traumático : esta técnica de fato pode levar a resultados adequados a nível periodontal, oclusal e estético em um estágio inicial e mais definitiva do que com outras opções de tratamento.

Link do artigo na integra via ncbi:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe !